Arquivos

Categorias
Todas as mensagens
 Sacanagem
 Besteirol
 Manual
 OLD Porém GOLD
 Printadas

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Curtiu? Deixa um Scrap no Meu Orkut
 Blog do Julinho Mesquita
 o Fantástico Mundo do Tulin
 iSatélite



LINK-ME






Us bagui 100 Futuro
 


Presenças Desagradáveis no Ônibus

 

Senhores, senhoras, leitores, amebas e afins que lêem esse blog, venho aqui me desculpar pela falta de posts. A culpa é do Capitalismo, que me força a trabalhar e que não permite atualizações. Pois bem, de volta a vida de trabalhador, volta aquele velho costume de pegar o velho ônibus que é apelidado carinhosamente pelo meu pai de “Cata Corno”. O meio de transporte coletivo é uma desgraça, passagem cara, poucos assentos e a porra toda, mas o pior de tudo são as presenças desagradáveis que adentram o veiculo. Sem delongas, aqui vos falo as presenças mais desagradáveis e personagens bizarros que adentram no buzão.

 

O Evangélico – Nada contra o evangélico sabe, o que dá ódio é o contexto onde ele é inserido. Voce lá, no ônibus, lotado, aquele congestionamento infernal, aquela menina favelada de um lado ouvindo Funk Pornográfico no volume máximo do celular, do outro lado, outro ser que tem um neurônio que está pensando seriamente em suicídio devido a solidão ouvindo Restart. Eis que entra um Evangélico falando que teve uma visão, que Gesuis tocou o seu coração e que ele vem aqui convidar você pra ir ao culto Sexta a noite para conhecer sua Igreja e seguir no Caminho do Espírito Santo. Detalhe: isso tudo no congestionamento, fim de expediente e afins, os Ateus confirmam mais ainda que Deus não existe com o maldito do Evangélico, os que são estão em cima do muro no quesito Religião a partir daquele momento estão no ateísmo extremo e até o mais fervoroso dos religiosos nessa situação está pensando em queimar sua bíblia. É pra você mandar esse cara pro inferno.

 

Os Artistas de Rua – Voce novamente naquele congestionamento catastrófico, enxaqueca monstruosa, cabeça quase explodindo e você gorfando e sentindo o gosto daquele pão com manteiga que você comeu pela manhã. Eis que entra uma dupla de repentista de codinome Juruminha & Jurubeba. Voce ainda acha que isso é cultura, é MPB, é orgulho nacional. Porra nenhuma, pior coisa que tem é você ali, com a cabeça doendo e o infeliz, sem noção do nordestino banguela, surrando aquele pandeiro que a cada batucada é um tapa no seu cérebro e você ali, agüenta aquilo firme e no final o desgraçado te pede uma contribuição e fala que aquilo é cultura nacional e joga na sua cara que temos que valorizar. E você naquele momento que só pensa em dem uma Calibre 12 pra matar aquele cabeça de mesa de centro que veio dos confins do nordeste.

 

Os Pedintes, mendigos e necessitados – Esse são os piores. Eles chegam no Onibus, fazem cara de coitados e te pedem dinheiro. Normalmente fala que acabaram de chegar do nordeste, não tem emprego e sua família está passando necessidade e conta com a sua contribuição. Tá sem emprego cara? Capinar vagabundo não quer... Mas pedir dinheiro, nego quer... Eu não tenho emprego por falta de oportunidade dizem eles... Como o capitalismo é mal né? Sofro num estágio que dá 400 reais e ele só é mal com você. Sua família está passando fome, sua mulher e seus filhos que chegaram na casa das dezenas. E você meteu na sua nega e eu que tenho que contribuir pro sustento deles? Na moral... Não dêem esmolas pra esses caras, isso só incentiva a vagabundagem. Vão vender paçoca, Halls no ônibus, façam algo. Mas esmolas, não. Quer moleza vagabundo? Caga no chão e deita em cima... Tá molinho.

 

Enfim... pra mim esses são os TOP 3 que adentram o Onibus... peço perdão pela Xenofobia com os Nordestinos da cabeça de lata d’agua, não foi minha intenção... Fungadas fervorosas e calorosas em seus cangotes e até a próxima.



Escrito por I.C às 00h08
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]