Arquivos

Categorias
Todas as mensagens
 Sacanagem
 Besteirol
 Manual
 OLD Porém GOLD
 Printadas

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Curtiu? Deixa um Scrap no Meu Orkut
 Blog do Julinho Mesquita
 o Fantástico Mundo do Tulin
 iSatélite



LINK-ME






Us bagui 100 Futuro
 


O Abençoado Chefe

 

Saudações Protozoárias que lêem meu blog, depois de um tempo vivendo igual um Urso (hibernando: engordando e dormindo) aqui estou eu, mais uma vez, para uma das minhas narrativas absurdas sobre meu cotidiano mais absurdo ainda. Uma pessoa que cito o nome nesse blog muitas vezes, fez algo que interferiu na minha vida de forma brusca, felizmente pra uns, infelizmente para mim, me tirou da fila do desemprego, e lá estou eu, nos meus momentos Diários de Purgatório de Segunda á Sexta, e isso me rendeu um post, falar do Demônio chamado chefe. De acordo com meu amigo Moska seu chefe parece Deus: Ele é alguém importante, interfere na sua vida, ele tem plena convicção de que ele existe, porém nunca o viu. Pra mim ele se parece mais o capeta que assola meus dias. Enfim, sem choramingos... Vou começar a falar desse cidadão e o que ele faz.

 

As ordens – O Chefe costuma olhar pra você com aquele rostinho angelical, se fazendo de bonzinho e de que é seu amigo e fala: -Fulano, você pode pegar aquelas caixas lá fora pra mim, por favor? Detalhe: Cada caixa pesa uns 30 á 40 quilos, sol das Duas da tarde. Ele te faz essa pergunta como você tivesse opção de SIM ou NÃO, como se você pudesse olhar pra cara dele e falar: - Posso não, manda outro. Ou Pior: - Porque não vai você seu preguiçoso de merda? Passa o dia ai nesse MSN conversando com gente chata e fingindo que trabalha, seu folgado.

 

As Condições de Trabalho – Esse trecho é em homenagem ao Moska, seu chefe passa o dia em um escritório, com ar condicionado no máximo, tomando água de coco e girando numa cadeira super confortável. Enquanto ele, passa o dia numa guarita de estacionamento de shopping, disputando espaço com as ratazanas, sua ventilação é um ventilador vagabundo, quase que um pírulicóptero e uma cadeira de escritório com duas rodinhas quebradas, nas quais, se ele não se equilibrar direito, CAI. Um dia desses ele me contando essa epopéia me disse, que ligou pro seu Chefe pra trocarem a cadeira. Sabem o que ele responde? A CADEIRA ESTÁ QUEBRADA? ENTÃO TRABALHE DE PÉ. Essa na hora eu ri, porém depois, fiquei com pena do Moska, porém continuei rindo.

 

O Chefe em SI – O cara se acha o Sr. Fuderoso, só porque a hierarquia permite isso, muitas das vezes ele solta umas cantadas nas estagiárias, grita com a Dona Socorro, a tia de 50 anos que trabalha no Almoxarifado, adora dá ordens quase que absurdas e se sente o fodão. Com seu paletó amarrotado, a gravata enforcando o colarinho e seu pescoço adiposo, e sua camisa branca com listras verdes, tipo sanfoneito ele nunca ajuda ninguém. Podendo dar uma carona ao seus funcionários, nem que seja até a parada, não... Em plena chuva, o estagiário com seu guarda chuva sendo molestado pelo vento, ele passa, dá uma businada pro estagiário, olha pra cara do infeliz, faz um joinha e sai sorrindo e fala: Até amanhã e dá uma acelerada. É pra se revoltar.

 

 

Enfim senhores, são inúmeras outras reclamações. Uma amiga, nome Sandra relatou que o chefe dela disse: - O Emprego de vocês é a sua segunda casa, quero que vocês se sintam a vontade no seu local de trabalho e nós somos uma família e se sintam em casa e toda a propaganda pra alienar a passa trabalhadora. O cara tem que ser muito inocente pra acreditar numa dessas. Se meu trabalho fosse minha casa, Do Meio dia as duas eu estaria tirando a minha “paia” e duas da tarde estaria assistindo Vale a Pena Ver De Novo, de chinelão, deitado no sofá, tomando meu creme de Morango. Senhores, o emprego não é sua casa, é o lugar onde você se ferra o dia inteiro pra aumentar o capital do seu chefe. Sem mais, pois bem senhores, estudem e um dia com sorte, sejam chefes, pois deve ser maravilhoso está na outra ponta do chicote. Fungadas Calorosas em Suas Nucas. E até o próximo período de hibernação.



Escrito por I.C às 17h22
[] [envie esta mensagem
] []





Presenças Desagradáveis no Ônibus

 

Senhores, senhoras, leitores, amebas e afins que lêem esse blog, venho aqui me desculpar pela falta de posts. A culpa é do Capitalismo, que me força a trabalhar e que não permite atualizações. Pois bem, de volta a vida de trabalhador, volta aquele velho costume de pegar o velho ônibus que é apelidado carinhosamente pelo meu pai de “Cata Corno”. O meio de transporte coletivo é uma desgraça, passagem cara, poucos assentos e a porra toda, mas o pior de tudo são as presenças desagradáveis que adentram o veiculo. Sem delongas, aqui vos falo as presenças mais desagradáveis e personagens bizarros que adentram no buzão.

 

O Evangélico – Nada contra o evangélico sabe, o que dá ódio é o contexto onde ele é inserido. Voce lá, no ônibus, lotado, aquele congestionamento infernal, aquela menina favelada de um lado ouvindo Funk Pornográfico no volume máximo do celular, do outro lado, outro ser que tem um neurônio que está pensando seriamente em suicídio devido a solidão ouvindo Restart. Eis que entra um Evangélico falando que teve uma visão, que Gesuis tocou o seu coração e que ele vem aqui convidar você pra ir ao culto Sexta a noite para conhecer sua Igreja e seguir no Caminho do Espírito Santo. Detalhe: isso tudo no congestionamento, fim de expediente e afins, os Ateus confirmam mais ainda que Deus não existe com o maldito do Evangélico, os que são estão em cima do muro no quesito Religião a partir daquele momento estão no ateísmo extremo e até o mais fervoroso dos religiosos nessa situação está pensando em queimar sua bíblia. É pra você mandar esse cara pro inferno.

 

Os Artistas de Rua – Voce novamente naquele congestionamento catastrófico, enxaqueca monstruosa, cabeça quase explodindo e você gorfando e sentindo o gosto daquele pão com manteiga que você comeu pela manhã. Eis que entra uma dupla de repentista de codinome Juruminha & Jurubeba. Voce ainda acha que isso é cultura, é MPB, é orgulho nacional. Porra nenhuma, pior coisa que tem é você ali, com a cabeça doendo e o infeliz, sem noção do nordestino banguela, surrando aquele pandeiro que a cada batucada é um tapa no seu cérebro e você ali, agüenta aquilo firme e no final o desgraçado te pede uma contribuição e fala que aquilo é cultura nacional e joga na sua cara que temos que valorizar. E você naquele momento que só pensa em dem uma Calibre 12 pra matar aquele cabeça de mesa de centro que veio dos confins do nordeste.

 

Os Pedintes, mendigos e necessitados – Esse são os piores. Eles chegam no Onibus, fazem cara de coitados e te pedem dinheiro. Normalmente fala que acabaram de chegar do nordeste, não tem emprego e sua família está passando necessidade e conta com a sua contribuição. Tá sem emprego cara? Capinar vagabundo não quer... Mas pedir dinheiro, nego quer... Eu não tenho emprego por falta de oportunidade dizem eles... Como o capitalismo é mal né? Sofro num estágio que dá 400 reais e ele só é mal com você. Sua família está passando fome, sua mulher e seus filhos que chegaram na casa das dezenas. E você meteu na sua nega e eu que tenho que contribuir pro sustento deles? Na moral... Não dêem esmolas pra esses caras, isso só incentiva a vagabundagem. Vão vender paçoca, Halls no ônibus, façam algo. Mas esmolas, não. Quer moleza vagabundo? Caga no chão e deita em cima... Tá molinho.

 

Enfim... pra mim esses são os TOP 3 que adentram o Onibus... peço perdão pela Xenofobia com os Nordestinos da cabeça de lata d’agua, não foi minha intenção... Fungadas fervorosas e calorosas em seus cangotes e até a próxima.



Escrito por I.C às 00h08
[] [envie esta mensagem
] []





 
 

Como Fundar um Puteiro

 

Pois bem senhores, depois de uma demora, aqui estou eu, peço desculpas e compreensão, pois é só uma pessoa pra produzir as idéias do blog, estudar, trabalhar pra comprar o leite dos meus filhos catarrentos, sem choramingos, esse post é em homenagem á uma amiga que me disse que iria abrir um puteiro, ela me apresentou um projeto meio que amador, com poucas chances de prosperidade e o pior de tudo o seu produto de trabalho era um homem, esteticamente feio que ela pretende travestir, enfim, mil razões para dá errado, eu com meu conhecimento e baseado em estabelecimentos que dão certo e emanam prosperidade aqui perto da minha casa (não, eu não moro perto da BR) venho aqui passar algumas técnicas e dicas de “Como fundar um Puteiro”

 

Onde adquirir a mão de obra – Primeiro você deve arrumar um pau de arara e ir pra alguma cidade pobre Nordestina, chegando em algum forró pé de serra qualquer, faça propostas ludibriosas para as mulheres daquela população miserável, fale que ela vai ganhar o dinheiro que nunca ganhou, que vai ser feliz e bem sucedida e que em breve voltará de volta para a terrinha e comprar o seu pedacinho de chão. (O que é uma mentira) Obs: Confira se é mulher mesmo, o bom negociante não adquire gato por lebre.

 

O Local – Se você tiver um bom capital para investir eu sugiro que você tenha um Motel de sua propriedade a sua direita, alguns caixas eletrônicos á esquerda e o seu estabelecimento para maiores de idade no meio, e nunca tenha uma igreja perto do seu estabelecimento, clientes seus estarão traindo suas mulheres, se ele vê uma igreja à consciência pode pesar e seus lucros podem ir pra vala.

 

Seu publico alvo – Claro que são aqueles que não comem ninguém, os adolescentes (porém eles não podem entrar nesse tipo de lugar, vão ficar na mão até 18 anos), e aqueles retirantes nordestinos que trabalham na construção civil, que são muito feios pra comer alguém de graça e que tem um sorriso na boca, raiz de 5... Dois inteiros e alguns quebrados e os Vovôs que não tem mais ereção e que vão pra esse tipo de lugar apenas serem assaltados e dormir na mesa ouvindo Bruno e Marrone

 

A Trilha Sonora – Como eu disse, só quem freqüenta esses locais são os empregados da construção civil, e o que eles ouvem? Pegue o que tiver de mais brega, escroto e sem conteúdo no camelô: Tipo Parangolé, Banda Dejavu, Calypso e algo meio corno tipo: Chico Rey & Paraná, os CD’s Antigos do Leandro e Leonardo, Zezé di Camargo e Luciano e João Paulo e Daniel, você nunca vai entrar em um puteiro e ouvir Ratos de Porão, Matanza e Sistem of a Down. Apenas essas musicas que comprovam o baixo conteúdo e conhecimento do brasileiro.

 

Os funcionários – Esses devem ser de confiança, e tudo o que você vai precisar é de uma cafetina para administrar as meninas e convencê-las á não se rebelar e que essa mulher seja de sua confiança (sua mãe é uma boa candidata) e alguns seguranças trogloditas, pois sempre tem aquele espertinho que quer comer e não pagar e quer desrespeitar suas funcionárias com adjetivos tipo: putas, vagabundas e afins (elas são funcionárias do sexo), isso podemos resolver com as 5 unhas da mãos esquerda e aquela surra.

 

Os contatos – E finalizando os contatos, você deve ter um contato com uma distribuidora de bebidas daquelas que passam Sol em latinha de Skol, Roskoff em Garrafa de Orloff e afins. Também tenha um contato com uma farmácia para fornecer as camisinhas, Viagra e um anti séptico bucal para suas funcionárias e faça um convênio com algum laboratório também pra ter desconto nos exames de HIV e um contato na PM também é aconselhável, pois eles vão cobrar uma taxa pra seu estabelecimento funcionar sem problemas.

Enfim, com essas dicas você já pode se tornar um microempresário e prosperar, enfim, trate as meninas bem, proteja-as pois elas são o seu pão de cada dia e é um negócio que tem tudo pra dá certo, clientela não falta, é o negócio mais antigo do mundo e se não dá certo, ainda dá pra você comer o estoque ou dá aquela aidética pra aquela cara que você não gosta. Enfim, anotem tudo, e com exceção disso você só precisa do nome pra batizar seu estabelecimento.Beijo pra quem gostou e se vocês largar a escola, faculdade ou o emprego pra fundar um puteiro e não der certo, não venha me culpar, enfim, fungadas calorosas em suas nucas e até a próxima vez que me cobrarem uma atualização.



Categoria: Manual
Escrito por I.C às 17h30
[] [envie esta mensagem
] []





A Vida Conspirando contra voce

Olá povo, cá estou novamente... Peço perdão por não atualizar tanto ultimamente, preguiça mesmo, então porque você ta aqui atualizando ser preguiçoso? Ontem fui intimado, cobrado, chamem como quiser por uma atualização. E aqui estou eu, e vim falar dos momentos que são “importantes” para sua pessoa e que a vida parece que ela conspira contra você. Parece que tem um cara nas profundezas do inferno com um boneco de voodoo seu te observando te ferrando nos momentos mais cruciais. Enfim, aqui exemplificarei esses tais “momentos”.

 

A menina que você sente alguma atração – Sabe aquela menina que você acha que está gostando dela? Aquela que você tem sonhos eróticos? Que você gostaria de melhorar seus genes com os dela pra ter filhos mais favorecidos esteticamente? Já reparou que você só a encontra quando está mulambo, largado, com aquela roupa digna de ajudante de pedreiro? Que ela te convida pro aniversário dela só quando você está com aquela espinha que parece uma tampa de creme dental na ponta do nariz? E quando ela está com umas amigas e te apresenta para as outras doidinhas e solta: “Esse é fulano, meu amigo”. Esse amigo que quebra suas esperanças no meio. Pois é filhote. Reflita, você ainda tem duvidas de que não tem algo conspirando contra você?

 

Quando você tem um compromisso importante – Esses dias são tensos, você tem que acordar cedo, uma força maligna faz com que o celular não desperte. Voce está planejando ir com “aquela” roupa e ela de maneira sobrenatural ela some e só aparece depois de 40 minutos de procura toda amarrotada e voce tem que ir passar as pressas, voce que tem carro, o carro demora pra pegar, voce que usa o velho busão, passa todos os ônibus que voce imagina, menos o seu, e ele só aparece depois de uma hora extremamente lotado. E voce já atrasado dá um jeito de se perder. Tem alguém no céu ou no inferno que separou o dia pra te sacanear hein ferinha.

 

Quando voce tem que apresentar um trabalho – Mais um dia propicio á conspirações divinas. O cara que voce deixou o trabalho se atrasa te deixando com o cu na mão, ele chega atrasado e fala. Nossa, esqueci o Pen Drive. Fala com o professor e o professor retruca pra sacanear, sem parte escrita hoje, trás semana que vem, mas só vai valer a metade e aproveita que eu to bonzinho, voce já puto vai fazer a apresentação. O mesmo cara que esqueceu o Pen Drive não estudou, não sabe de nada. Voce puto de raiva esquece até a sua parte também, ou seja, um inferno total digno de “hoje eu não deveria ter saído da cama”

 

Enfim senhores, apenas uns simples exemplos de como tem algo que aparenta conspirar em nossas vidas. Forças malignas? Falta de preparo com antecedência? Não sei, mas isso acontece na minha vida e na de muitos que me relatam coisas parecidas. Fungadas em suas nucas e até a próxima vez que alguém me cobrar uma atualização e o texto está cheio de “voce”, queria que não repetisse tanto, mas já era.



Escrito por I.C às 14h03
[] [envie esta mensagem
] []





Xenofobia... No Senso Comum...

Sabe, o sonho de todo brasileiro é ser bem sucedido, muitos carros, lindas mulheres e viajar para várias partes do mundo (senso comum monstruoso hein), porém sempre há aquela suspeita do gringo: O que esse cara quer no meu pais? Turismo? Visita? Estudar? E afins. Voce brasileiro, quando for pra algum desses países aqui vos falo o que os nativos dessa região pensa de você quando você adentra uma fronteira.

 

 

Brasileiro quando você vai ao pais abaixo você busca isso (De acordo com eles):

 

México – Pobre desesperado querendo cruzar a fronteira para os Estados Unidos

Estados Unidos – Pobre desempregado que conseguiu cruzar a fronteira e sobreviver

Espanha/Portugal – Prostituta buscando um cachê em Euros

Itália – Transexual em busca de cachê em Euro, ou modelo sonhador que futuramente vai se frustrar

Argentina – Gaucho tentando usufruir da União Homossexual legalizada

África em geral – Serviço humanitário

Paraguai – É camelô e está aqui em busca de muamba e artigos Made in China

Austrália, Havaí, Ilhas Fiji – Filhinho de papai metido á surfista passando férias da Faculdade paga

Haiti – Militar brasileiro em missão de Paz ou mais ajuda humanitária

Colômbia – Porta voz de traficante em busca de Cocaína pra abastecer determinado Estado

Jamaica – Veio queimar um do bom direto das plantações particulares do Bob Marley

Holanda – Busca de Maconha Legalizada e prostitutas em vitrines

China – Repórter indo fazer documentário sobre coisas bizarras e Pandas

 

Enfim, não é Xenofobia, mentira é Xenofobia mesmo e ainda no Senso Comum, da mesma forma que quando um gringo vem pra cá que você tem certeza que ele só veio atrás de Prostitutas, Carnaval e praias, voce caro brasileiro vai no pais dele buscar essas coisas (de acordo com eles) e voce me tem a cara de pau de falar que eles vem aqui pela cultura, pela gente alegre, pelo calor humano (Concordo, quem não busca uma Mulata Sorridente com um fio dental de Escola de Samba e todo o calor humano de seu pandeiro?), enfim, sem delongas... Fungadas Calorosas em suas Nucas.



Escrito por I.C às 13h34
[] [envie esta mensagem
] []





Propagandas que somos obrigados a aguentar

 

Mortais, aqui estou eu de volta, sim, estava vagabundando, depois de ser cobrado inúmeras vezes com a frase: Vai atualizar não? E o blog? Estou eu aqui devido o clamor da nação cumprindo os pedidos. Hoje falarei sobre as propagandas mais toscas e sem noção. O publicitário passa 4 anos em uma faculdade, faz uma pós e arruma um emprego numa empresa publicitária badalada. Pra que, pra me fazer as propagandas, comerciais e slogans mais toscos possíveis. Aqui farei a analogia de algumas propagandas e slogans, que olho e percebo. Quantas carreiras de farinha de mandioca esse cara cheirou pra pensar nisso?

 

Propaganda da Activia – A propaganda da Activia é algo que foi pensado depois de muito LSD e cogumelos alucinógenos. Um ambiente cabisbaixo, dia triste, feio, chato. Porque? Porque as mulheres não cagam. Ai depois tudo fica lindo, os pássaros cantam, a alegria brotas nas veias, porque? Porque elas comeram Activia e cagaram. Eu queria saber se todo mundo explode de felicidade toda vez que larga aquele barro, trigêmeos todos grandinhos e fortes. Será que cientistas perderam anos de pesquisa na busca da felicidade e um publicitário drogado encontrou ela no simples ato de fazer o numero dois após comer um iorgute? Então se for isso aquelas mulheres entraram em ebulição quando lhes forem apresentadas uma feijoada completa e dois lactopurgas, elas vão conseguir escrever nome, CPF e RG em marrom no vaso sanitário.

 

Propaganda o Axe Music Star – Essa é um clássico do gordinho frustrado que sempre quiser um astro do Gangsta Rap. Um cara com um monte de mulheres lindas no carro e o carro do nada quebra no meio e só as mulheres vão parar em determinada casa. Porque? Sorte, abençoado por Deus, morar no lugar certo? Não, porque você usa tal desodorante. Cara, quem dera se fosse tão fácil assim, compraria uma bomba de borrifar inseticida e ia colocar até a tampa com Axe e seria o mais gostoso da linha de Águas Lindas até Itapipoca. E ele não fica triste porque metade de um carro destruiu o seu barraco (eu também não ficaria, 3 mulheres daquelas) e o mais surpreendente, elas já chegam pegando o cara, não tem nem um Oi. O Publicitário é muito doidão que pensou isso.

 

Propaganda do Toddy – Quem nunca ouviu falar. Toma Toddy pra você ficar Muuu... E dois babacas vestidos de Vaca com uma voz de carioca surfista mandando você tomar o achocolatado pra ficar Muuuu... Me diga quais as vantagens de ficar Muuuu? Voce tomando Toddy vai ficar Muuuuito Gordo, com a taxa de Glicose Muuuuuito alta, com a cara com Muuuuuitas espinhas e cadê as vantagens? Fora que é uma propaganda muito sem sentido e me pergunto. Alguém pagou para um publicitário pensar em duas fantasia de vaca dançando break com o bordão do Muuuu, vai no jardim de infância que você conseguiria algo melhor por algumas balas e chicletes com um garoto de 5 anos.

 

Enfim... Em todas as áreas temos funcionários bons e ruins, mas tem uns que abusam do direito da incompetência... Pronto, canse de escrever aqui. Beijo pra quem leu e me faça o favor de comentar nessa farofa.



Escrito por I.C às 16h08
[] [envie esta mensagem
] []





Efeitos Pós Copa do Mundo

 

Pois bem senhores, a Copa do Mundo acabou e aqui estou eu me pronunciando. Eu sinceramente na hora do jogo estava dormindo, só levantei 5 minutos do final quando meu irmão falou que ele estava perdendo, levantei, dei meu pulinho de alegria e se tivesse uma cartolina na hora, faria aquele clichê cartaz com a frase “Eu já sabia”. Ai você fala, que merda de brasileiro é você? Sou o comum, não patriota, porém não hipócrita, que tira um patriotismo falso a cada 4 anos. Enfim jogo de Copa é como sexo no casamento. Começa com várias vezes ao dia. Vai diminuindo a frequencia, aumentando os intervalos, até que acaba. E está acabando, e aqui vos falo as verdades da vida pós Copa do Mundo.

 

Compradores de TV – Pois é senhores, a Copa acabou, o Brasil perdeu e você que foi lá nas Casas Bahia financiar em 50 vezes uma televisão pra ver o Hexa, sinto muito, mas você se fudeu. O Brasil guardou seu patriotismo na gaveta, o Dunga está desempregado, e você tem ainda pela frente 49 prestações do financiamento da sua TV própria. Então chupe a sua manga.

 

Alunos – Era bom né quando saiam cedo? Pra assistir o jogo do Brasil, era uma maravilha. Agora final de Bimestre, provas e o que acontece? Lá está o diretor da sua escola lhe empurrando o croquete falando que tem aula durante o Sábadão. Olha que delicia. Ai voce me fala: Mas só são alguns dias. Mas Diarréia tambem são alguns só alguns dias e literalmente é uma merda.

 

Camelô – Voce investiu tudo o que tinha em vuvuzela, chapeuzinho, peruca, chinelo tudo na cor verde e amarela, o Brasil perdeu, você dificilmente venderá essa quantidade de muamba e corre certos riscos de ficar com essa porcaria estocada em seu barraco, pois é uma vingança do rapa te deixar com essa quantidade supreendente de lixo que voce adquiriu.

 

Brasileiro no Geral – Ficou maravilhado com as maravilhas da Vuvuzela, chingou a jabulani, achou lindo a união entre as raças e toda a coisa clichê que a ONU e os direitos humanos prega. Porém, esqueceu do vazamento de petróleo no Golfo do México, que lá em Alagoas e Pernambuco o bicho ta pegando por causa das enchentes, não sabe em quem votar nas Eleições no final do ano, pois o cérebro só está processando a informação: Dunga Burro, Felipe Melo Cavalo.

 

Enfim singelo brasileiro, quase fim de Copa do Mundo, você vai se alienar com futebol, vender seu voto por uma Bolsa Miséria qualquer e as eleições estão chegando. E no Circo chamado Brasil, o palhaço é você.



Escrito por I.C às 21h53
[] [envie esta mensagem
] []





Homem, Pau Pra Tudo Que é Obra

Pois bem senhores e senhoritas que freqüentam o boteco de codinome Us Bagui 100 Futuro, estou praticamente de férias e pra terminar de ferrar, estou inspirado, então aqui estou eu escrevendo novamente, sobre um tema polêmico. O homem quando está namorando tem que ser pau pra toda obra, o infeliz tem que se virar da forma que pode pra agradar sua Rainha (Ou Dragão, depende da sua escolha e do seu grau de miopia) para ser um bom rapaz e levá-la de forma mais rápida possível para a cama, altar, motel (ou para o inferno, são muitas opções) e ajudá-la nos momentos difíceis e está junto nos momentos felizes (financiando quase tudo e de preferência pagando a conta). Enfim senhores, cocem o saco e acomodem-se nas cadeiras pois aqui citarei as profissões ou condições que um homem tem que aprender para fazer uma mulher feliz.

Banqueiro – Essa é uma condição, mulheres são seres malvados que fazem seu suado dinheiro sumir de forma inexplicável. Como? Simples. Primeiro elas inventam data para tudo, e nessas datas você tem que dá um presente ( e que seja decente e caro, pois senão, o couro vai comer e o pau vai cantar). É presente do dia dos namorados, Natal, aniversário, ovo de páscoa e uns que elas inventam pra extorquir como dia do primeiro beijo, dia que você me pediu em namoro pra sua sogra e afins. E como você financia tudo isso? Só virando banqueiro mesmo, porque você tem que desembolsar tudo e não pode ter esperança de ganhar nada de bom. Nunca ganhará a camisa do seu time, uma ida ao Motel de luxo com ela pagando e nada do tipo, no máximo uma foto dela em uma moldura barata e um cartão de 1 real escrito, te amo.

Psicólogo – Mulher é um bicho sentimental, chora por tudo, você tem que controlar suas palavras quando conversa com elas, existe a tal TPM, a falsidade entre amizades femininas, as seqüelas pós gravidez e um monte de outras coisas que fazem elas chorar. Então lá está você homem audaz assumindo sua profissão de psicólogo. Você tem passar horas consolando o ser quando ela fala que está pensando em se matar, que a vida não vale mais a pena, que nada em sua existência miserável dá certo e toda a picuinha de sempre. E lá tem que está você, paciente e firme, falando pra não fazer isso, que a vida vale à pena (mas bem no fundo, doido pra ela cumprir as ameaças de suicídio).

Lutados ou Juiz de Vale Tudo – Se a mulher for barraqueira ou piriguete você tem que ser faixa preta em alguma luta. Se ela for piriguete, ela vai ficar dando mole pra geral, e você assume a condição de corno e não apela e dá uma de companheiro com o lema: onde come um, come dois, três, mil ou machão (corno) e parte pro combate contra os Ricardões, ela vai se sentir disputada e afins e você se não lutar um Krav Magar vai sair esfolado. E se ela for barraqueira, lá está você juiz, trouxa separando ela de brigas por bobagens tipo: você me olhou torto, você está olhando pro meu homem perua e outros motivos toscos e o pior de tudo, você esta propicio á puxões de cabelos, arranhões, dedo no olho e chutes no saco quando for separar o “fight”.

 

Enfim, são N outras profissões e condições como: Segurança (Proteger ela), Trabalhador Escravo (Financiar os luxos dela sem questionar), Surdo (pois são raras as que falam algo decente), Filho da Puta (Pois elas acham sua mãe uma puta) e blá, blá, blá... Enfim... Corram atrás dos diplomas homens, pois conquistar uma mulher hoje em dia requer um homem versátil e foi se o tempo do vovô onde você conhecia a Mariazinha só no dia do casamento, o pai dela te dava uma grana pro casamento (dote) e ainda pagava a festa do casamento. Como diz a Sandra (uma pessoa que vai ler isso e me chingar muito) Adios e fungadas calorosas em seus cangotes (parte minha mesmo) e sei que um monte de feministas vão me xingar, já estou preparado psicologicamente.

 



Escrito por I.C às 06h05
[] [envie esta mensagem
] []





O que está acontecendo com nossas crianças?

Momento suspiro no Blog. E já começo com a incógnita. O que estão fazendo com nossas crianças? Eu não sou um cara tão velho assim, dia 9 de Julho chego à casa das duas dezenas e completo 20 anos, mas o que aconteceu com as crianças. Não só do Brasil, mas do mundo, um tempo atrás criticavam os emos, todos de pretos, lápis de olho borrado por chorar tanto, foi uma zorra. Mas quando achávamos que não poderia piorar, surgiu o Restart, Cine e afins, uma bandinha de Rock coloridos, que está mais pra Telletubies do que rockeiros, mas seria muito fácil generalizar e jogar a culpa toda sobre os eles. Vamos aqui fazer uma abordagem geral e a chegar a conclusões.

As meninas – Desde que me entendo por gente os pais (principalmente de classes mais desfavorecidas) tendem a banalizar suas filhas. Lembro quando muleque que as mães compravam aquela roupa curta do É o Tchan pra suas filhas de 6, 7, 8 anos e achavam lindo vê sua filha ralar na boquinha da garrafa e descer até o chão e achavam que estavam causando com aquela cena ridícula. Hoje só mudou o gênero e o Vocalista. Sai Beto Jamaica e Cumpadre Washington com seu Axé e entra o Funk Pornográfico com vocalistas que não sei informar e a mesma cena continua. Garotas com 6, 7, 8 anos descendo até o chão e que não é mais surpresa pra ninguém se aparecer com 12 anos grávida e aos 18 com 4 filhos.

Os meninos – Confabulando com algumas pessoas chegamos a conclusão. Os meninos estão se tornando meninas. Já tentaram colocar a culpa nos pais que não batem mais nesses infelizes, pois podem ser denunciados para um conselho tutelar e ir em cana, tentaram colocar a culpa no mundo que só prega a paz, amor e união e tentaram culpar até o Merthiolate que não arde mais. O culpado eu não sei, mas queria saber: O que leva um rapaz de 16 anos a colocar uma calça verde limão, uma camisa laranja bombeiro deixar o cabelo crescer, e usar o corte desfia na frente e pica trás (sem trocadilho infame hein)? Fora o novo ícone mundial. Justin Bieber, o cara está chegando aos seus 17 anos e parece uma menina frágil, voz fina e o pior as meninas amam ele, porém você não vê relatos dele pegou uma sequer. Não chamando ele de Barbie (trocadilho infame) mas um rapaz com 16 anos, com mulheres de todo mundo aos seus pés e não está passando o cerol em nenhuma é digno de suspeitas.

No Geral – O mundo está um caos, são jovens se matando por causa de brigas de internet, se suicidando porque o seu ídolo POP o ignora no Twitter, gravidez precoce (precoce mesmo 10, 11, 12 anos de idade), passam horas atrás de um computador fazendo nada produtivo, não estudam, não lêem. Os que lêem, lêem pouco e os que realmente lêem infelizmente não entendem o que estão lendo. Fora os que acabam indo pra a criminalidade (drogas, assaltos, assassinatos e por ai vai), cada vez mais jovens com doenças como bulimia, anorexia, depressão.

 

O que está havendo com nossos jovens? Hoje não vim aqui para satirizar, é algo sério. Não usando uma visão anacrônica de que na minha época era melhor, hoje está uma droga. Ninguém é perfeito, mas está chegando em um caso sério. Conforme os anos passam, creio eu que a geração passada tende a ser superada pela a futura, mas analisando essa atualmente, será que esse objetivo será possível? Peço perdão aos leitores se no inicio me submeti ao senso comum, se isso é moda é o comportamento da época, não sei. Apenas sei que isso está estranho e sigo com a incógnita do inicio do texto ainda sem uma resposta. O que está acontecendo com nossas crianças?



Escrito por I.C às 18h18
[] [envie esta mensagem
] []





O Gado se Aliena

Pois bem senhores, aqui estou eu novamente no meu mundo de ócio criativo, clima chato de Copa do Mundo, abro o Jornal para ver as Noticias, futebol, exploda-se se ate hoje ainda está vazando petróleo no Golfo do México, queremos saber se o Drogba vai jogar contra o Brasil. Se você pergunta quem foi o importante escritor português, ganhador do Prêmio Nobel de Literatura  que faleceu recentemente, ninguém sabe o nome, mas se você perguntar pra uma criança de 6, 7 anos o que é Vuvuzela, Jabulani e afins, o garoto vai saber. Pois bem, vim fazer algo que há muito tempo não faço, um poema, não sei de é digno de uma leitura ao mesmo estilo do Pedro Bial. Mas aqui vai.

 

O Gado se aliena em frente à televisão

Com a voz que chateia do Galvão

Decoram uma tal escalação

Mas não sabem em quem votar na eleição

 

Pinta o rosto, vai pra rua, bate no peito

Sou brasileiro, sou patriota

Mas daqui alguns meses na eleição, pinta o rosto de palhaço

E fica com semblante de idiota

 

Nosso amor pelo Brasil é algo engraçado

Fica em um cantinho ali guardado

Que a cada 4 anos, como uma camisa é tirado

Para ser simplesmente “usado”

 

Amor pelo pais? Será que é só Gritar Brasil?

Fechar os olhos durante um mês

Para o garoto de 9 anos, armado com um Fuzil

Que mata no cativeiro o turista inglês

 

Queremos ajudar outros países, lindo

Espalhar aos continentes nosso nome

Mas quem vai ajudar nossas crianças

Que ainda morrem de fome?

 

Investe em futuros estádios

Superfaturamento em construção

Milhões serão usados e desviados nisso

Tirando cada vez mais da Educação

 

Esperança é verde? Riqueza é amarela?

Brasil, você é uma grande Ironia

Nossas florestas “verdes” tombam

E nossa ouro vai a mão de uma minoria

 

Se aliena gado, no chicote do boiadeiro

Que mês que vem, isso vai acabar

Mas aqui fica a pergunta:

Brasil, quando será que você vai acordar?



Escrito por I.C às 23h51
[] [envie esta mensagem
] []





Doce Vida de Desempregado

Olá gente que ama (ou faz isso por obrigação) ler as coisas toscas que escrevo, cá estou novamente desempregado. Tem gente que me chama de vagabundo, desinteressado, inútil, ameba e afins, dos quais se eu receber 1 real pra cada adjetivo desses, realmente não necessitaria procurar, muito menos arruma um emprego. Pois bem, eu particularmente estou sossegado quanto ao meu desemprego, pois o Brasil sofre tanto com ele, eu simplesmente estou cedendo o meu para uma pessoa que realmente necessita. O real problema são os outros, os outros que me tormentam, que me estressam e que tentam me chatear com essa situação, pois bem, aqui vos falo quem e o que me chateia por causa dessa condição de desempregado que resolvi assumir (soou muito gay hein).


Minha singela Mamãe – Desde que sai do Exército minha mãe me persegue. Ela todo dia me acorda coma a pergunta: - E ai cara, quando você vai acordar pra vida? Mas ela sabe que só acordo entre as 11 e meio dia e ainda não sei por que ela insiste na pergunta tosca. Eu não posso passar minhas tardes só de short jogando vídeo game, que ela vem com suas frases de auto-ajuda do tipo: Vamos reagir. Vamos fazer algo da vida. Ela está me olhando jogando vídeo game, sei que não é algo tão louvável quanto ser um ator das novelas que ela assiste, mas estou fazendo algo sim da vida.


Os outros desempregados – Esse é um caso complicado, tem umas almas fracas e desempregadas que vivem falando: - Eu não posso mais viver sem um emprego. Então tenho que dar uma de psicólogo dar uns dois tapas na cara do sujeito e falar: - Você pode e você vai viver sem emprego, emprego é como uma perna, sem ela você pode sobreviver, não vai sobreviver com o mesmo conforto, mas vai sobreviver. E não deixe esse sistema capitalista frio e cruel interferir e manipular a sua vida. É uma mistura de Psicólogo com Revolucionário.


Os que têm emprego – Esse é o povo mais chato, eles são metidos a moralistas e acham que estão certos e tentem te chatear com frases: - Você acha que o emprego vai bater na sua porta? Mas mal sabem eles que minha mãe já sabe que se ele aparecer é pra falar que não estou e não sabe onde fui. Só porque eles têm um emprego acham que são melhores do que eu, e toda a coisa chata. O que eles tem o que eu não tenho? Eles têm um chefe chato, tem que acordar 5 da manhã pra pegar o ônibus, eles tem salário. Mas eu tenho uma coisa melhor. PAPAI QUE ME AMA e quando estou no aperto, me ajuda.

 


Enfim, foi uma sátira do meu momento atual, sei que quando você terminar de ler isso aqui vai falar que tem pena de mim, que sou um vagabundo e afins. Mas me diz uma coisa que eu não sei. Enfim, mas para os que estão achando: E ele depois disso tudo não procura emprego não? Aqui respondo e mato a curiosidade. Eu estou procurando emprego. O Foda é que ele se esconde muito bem. Beijo na Bunda e Até Segunda lá Na Faculdade e o Importante é ser Sincero.



Escrito por I.C às 13h27
[] [envie esta mensagem
] []





Momento Arquivo Confidencial

Amados leitores, senhoras de família e senhoritas que vendem seu corpo para se sustentarem, cá estou de volta, mochileiro, andarilho urbano, filósofo de fundão e desempregado das ruas escuras da Ceilândia e a cada dia descobrindo que não presto, nesses roles mundo a fora vejo umas coisas que (puta que me pariu, pois a que pariu aquele povo merece morrer) nossa, se meu olho filmasse essas coisas estariam no youtube. Pois bem, não sou um Forrest Gump, mas tenho umas histórias aqui que “é uma puta falta de sacanagem” e que merecem ser relatadas e decidi contar essas coisas depois de um ocorrido nessa sexta feira que foi a gota d’agua. Chega de ficar fazendo introdução, odeio isso, e favor aos finalmentes e isso tudo que vou falar é verídico e não estou inventando pra ser sensacionalista.


Convulsão no ônibus – Essa era quando eu era muleque, lá estava eu no ônibus lotado, aquilo tava tão lotado que se alguém ficasse de pau duro, poderia molestar o cara da frente e ser acusado de estupro, mas esse não é o caso. Teve uma mulher que passou mal no ônibus e ela estava de pé, ele teve uma convulsão e tal, o ônibus estava tão lotado que a mulher não teve espaço para cair, se debater e babar na sua convulsão só virou o zoinho e ficou tremendo de pé. Então deram um grito de desespero: -Motorista tem uma mulher passando mal aqui, toca pro hospital, então gritaram: -Porra nenhuma motorista, tenho horário pra chegar no trabalho. Legal né, a mulher pode morrer, mas você não pode chegar atrasado no trabalho.


Marmitex – Outra história de ônibus e entra um trabalhador humilde com sua quentinha dentro do ônibus, o cara chega e senta naquele ultimo lugar no fundão do ônibus no corredor, ou seja, aquele que não tem nenhum apoio pra se segurar. Lá está ele com sua marmita na mão e o motorista roda presa dá uma freiada brusca. Eu particularmente fiquei com pena, a marmita do cara voou pra frente e caiu no chão, lá aberta, aquilo foi de dar dó mesmo. Mas cai na risada quando ele foi recolher sua quentinha, quando levantou a panela estava lá: Arroz, Feijão e Dois bife do zóião de codinome ovo frito, não sei porque motivo retardado da minha mente. Ri dos ovos fritos.


Traveco escroto - Esse aqui foi escabroso. Cara não sou homofóbico, não tenho preconceito com viado, cada um tem o seu rabo e decide se quer dá ou não, só quero que não chegue perto de mim e afins. Pois bem, lá estou eu, numa sexta feira, fazendo caminhada com a Débora e ela olha pro lado e fala: Não olha... Eu retruquei: Não olhar o que? Nesse momento eu vi aquela visão do inferno. Um traveco só de calcinha e jaqueta na rua. Sim só de calcinha e jaqueta e o pior de tudo, mostrando os peitos. Cara, não tenho nada contra quem faz ponto e afins, mas aquela visão me embrulhou o estômago e eu juro por tudo que é mais sagrado, se eu tivesse com uma arma na hora eu teria sapecado bala naquele viado escroto e semi nu. Detalhe, isso foi perto da casa da Sandra (uma das leitoras dessa merda) mãe de duas crianças pequenas. Será que os pupilos dessa singela senhorita já viram esses profissionais do sexo que prendem o bilau na bunda com esparadrapo fazendo ponto?


Enfim... Cada um tem as suas historinhas tristes e seus momentos de grito de desespero, eu tenho outras tantas, mas essas 3 eu resolvi compartilhar com os senhores e senhoras que acompanham essa merda... Caso você queira contar uma sua nos comentários, fiquem a vontade, pois está aberto o momento “Fala que eu te Estupro” do Us Bagui 100 Futuro S/A. E Beijos pra quem acompanha.

 



Escrito por I.C às 21h23
[] [envie esta mensagem
] []





Os Dias na Escola...

Amados 10 leitores que visitam meu blog, que supostamente são fiéis e que gostam das besteiras que escrevo. Venho aqui atualizar essa porra (Não você veio orar no seu monitor e pedir pra Jesuis atualizar o seu blog sozinho), eu como futuro professor (coitado dos alunos) venho aqui relembrar os “Dias” que tinha na escola e falar que aquilo era uma “Puta Falta de Sacanagem” pois a criatividade era muito baixa e que aquilo era só pra sacanear com o infeliz do estudante... Eu como futuro maluco revolucionário vou aqui propor dias melhores fazendo uma sátira daquelas merdas que inventavam... Porque Dia do Meio Ambiente é a Senhora Que Trabalha em um Estabelecimento de Quinta vendendo o próprio corpo ou seja... A Puta que Pariu...


Dia da Amazônia – Eles colocavam aquele dia da Amazônia só pra ver a mulecada catando latinha e plantando mudinhas na escola. Depois daquilo ninguém liga mais pra nada e a consciência ambiental foi pro raio que o parta. E porque não criar o dia que botamos fogo naquela porra? Aquilo só serve pro Brasil ficar “queimado” mundialmente com órgãos que protegem o meio ambiente, pra traficante atravessar a mata recheado de cocaína pra nossas fronteiras e pra futuramente os Estados Unidos invadir essa merda pra engarrafar o Rio Amazonas e vender pra matar a sede dos gringos. Poderíamos fazer uma grande fogueira com aquela merda... Aumentar o aquecimento global e finalmente ter o orgulho de falar que o Brasil fez algo na História Mundial além de ser uma colônia de exploração de Portugal. Então vamos criar. O Dia da Queimada Amazônica.


Dia das Mães – Isso era pra ser um dia legal, pra homenagear a mulher que te faz acordar cedo e permanecer 5 horas em um cubículo de vulgo sala e que passa raiva todo bimestre quando você entrega o seu boletim. Mas na verdade eles pegam as crianças, cortam uma cartolina em forma de margarida e colocam no pescoço deles e põe eles pra cantar “Carinhoso” (meu coração... não sei porque, bate feliz... Quando te vê) e são crianças, eles vão cantar aquilo tudo errado e fora do ritmo é só pra a mãe tirar foto do cara e mostrar pros parentes e pro muleque virar motivo de piada quando crescer. Então aqui vai a proposta: em vez de ficar constrangendo nossos alunos com essas porcarias vamos fazer um dia das mãe legal: Com boate, uns goró maneiro (tipo sorvete com Vodka e faz um Ovo Maltine alcoólico) chama uns Gogo Boy pra fazer um striper naquela mãe de 60 anos que é progenitora do muleque mais atentado da sala. E Por ai vai. Porque é o dia das mãe e elas merecem algo melhor do que o barriga de cerveja que ela chama de marido e ir pra igreja no domingo.


Dia do Índio – Esse é um clássico, um dia para conscientizarmos nossas crianças de que quem é o verdadeiro dono dessa fossa chamada Brasil são os índios, eles estavam aqui primeiro; peladões, com seus arcos e flechas dormindo na rede e chegou o Português malvado e iludiu os pobres indiozinhos com espelhos, era pra ser um dia de pelo menos injetar um pouco de ódio da cabeça dos muleques e colocar na cabeça deles de que o que os portugueses fizeram foi errado. Mas nas escolas esse é o dia em que a criançada faz um colar com macarrão, pinta a cara de tinta guache, faz um cocar com uma pena de galinha e sai gritando Uuu... Uuu... Uuu... igual um bando de tarados na escola.

 

Poderia falar também da Páscoa, do dia do pais, do dia do sofredor (ops) Professor, mas não vou falar pra não alargar muito o post. Eu sei que são crianças, que elas teoricamente não são maturas o suficiente... Mas porque tornam a escola tão chata? Porra, escola era pra ser um lugar legal e o que vejo são apenas corpos programados a ir lá se entediar durante o ano letivo e passar sem aprender nada. Porra, vou finalizar essa porra logo se não vou chingar. Merda já chinguei, novamente... Parei.



Escrito por I.C às 14h00
[] [envie esta mensagem
] []





As Perguntas mais Idiotas... Que um Aluno Pode Fazer...

Amados leitores, peço perdão pela a ausência desse jovem chata. Foram muitos motivos o meu desaparecimento, mas vou destacar apenas dois. A Faculdade está arrancando minha pele e recentemente um amigo meu faleceu, fiquei meio emo, pensei atém em fazer chapinha e por um piercing no mamilo, mas me recuperei e hoje cá estou mais bárbaro do que nunca. Um dia desses me peguei pensando na minha futura profissão de professor (sei que uns gritaram: louco, retardado, masoquista e afins) e lembrei da minha época de Ensino Fundamental e Médio e lembrei das perguntas retardadas que os alunos fazem e vim aqui sublimes leitores fazer uma seleção das melhores e que certamente vou ouvir. Então apertem os cintos e se preparem para as perguntas mais idiotas que um professor pode ouvir.

 

Está o Professor passando o conteúdo no quadro e um aluno pergunta:

Professor isso vai cair na prova?

(Não filho duma mãe, to passando essa merda aqui de sacanagem)

 

 

Está o professor (novamente) passando o conteúdo na lousa e um iluminado pergunta:

Professor é pra copiar?

(Não eu vou emprestar a lousa pra você ir na Xerox e tirar uma Cópia)

 

 

O Ilustríssimo professor olha pra a turma e fala:

O trabalho será em dupla

E uma Ameba ops aluno pergunta:

Professor pode ser dupla de dois?

(Não jumento, pode ser uma dupla de 3)

 

 

O Professor chega na sala no 1º Horário e um iluminado pergunta:

Professor você vai dar aula hoje?

(Não FDP sai da minha casa cedo pra ouvir sua pergunta cretina)

 

 

E a mais escrota, escabrosa e idiota pergunta que acho que vou ouvir será essa:

Professor você veio?

(Não FDP, isso aqui é uma Miragem, voce está sonhando... Ah vá)

 

 

Enfim... Sei que vou ouvir umas bem piores do que essa, mas é a profissão que vou encarar e vejo essa profissão como meus alunos sendo um saco de sementes e eu terei que ser o solo fértil deles... E minha missão é instruir as garotinhas a não se tornarem “trepadeiras” e os garotos uma linda “Cannabis Sativa”, enfim... A César o que é de César. E Fungadas Calorosas em suas nucas.



Escrito por I.C às 15h20
[] [envie esta mensagem
] []





 
 

-



Categoria: Sacanagem
Escrito por I.C às 10h21
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]